Just Anime ! Breath anime. A Anime que queres, onde queres

Últimos assuntos

» Orochimaru morto?
Qui Abr 05, 2012 12:29 am por EDU

» Etimologia de nomes(apenas informação)
Dom Fev 13, 2011 10:17 pm por EDU

» Treinador favorito
Dom Fev 13, 2011 10:16 pm por EDU

» Classificação de ninjas
Seg Jul 19, 2010 3:05 pm por EDU

» explicação de chakras
Dom Jul 11, 2010 11:23 pm por MBReis

» Central de ideias
Sex Jul 09, 2010 12:46 am por MBReis

» Factos de Madara
Qui Jul 08, 2010 2:30 am por EDU

» E os admins??
Qua Jul 07, 2010 1:29 pm por ghost

» Sonny Vegas
Ter Jul 06, 2010 9:47 pm por EDU

Navegação


    Segunda Serie

    Compartilhe

    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Qui Jun 25, 2009 9:38 pm

    Todo que tenha que ver com a segunda serie.


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Qui Jun 25, 2009 9:42 pm

    Um novo começo


    -Que há hoje para o pequeno-almoço? Pergunta Washigi entre um bocejo
    -Não achas estranho? Pergunta Imna já acordada
    -O quê? Pergunta Teryu ao entrar na caverna com um cesto de fruta
    -O mestre não nos ter acordado antes do Sol nascer de uma forma estranha e/ou dolorosa para iniciarmos o treino matinal?
    -Agora que falas nisso…

    Mas antes de Washigi acabar a frase o mestre entra pela caverna dentro:
    -Ora vejo que já acordaram. Diz ele ao entrar
    -Bom dia mestre. Dizem os três fazendo uma vénia
    -Alguém acorde o Typios por favor. Diz o mestre ao sair da caverna

    Nesse momento Washigi pega num pão e começa a picar-lhe a cara enquanto diz:
    -Alô, está alguém aí dentro?
    -Para com isso. Diz Imna contendo o riso
    -O quê, que horas são? Diz Typios ao acordar afastando o pão da cara
    -Horas de estares acordado. Responde Imna sarcasticamente
    -Ei! O Sol já nasceu estranho.
    -Ao menos tu notaste. Responde Imna rapidamente

    Assim que se preparava para fazer mais um comentário sarcástico sobre a falta de atenção que os seus colegas tinham notam que estes já não estavam na caverna e ao sair nota vê-los sentados na beira do precipício comendo uma peça de fruta cada um. -Que fazem? Pergunta ela desconfiada
    -Está uma manhã muito calma. Diz Teryu
    -E então…
    -A esta hora ontem estaríamos provavelmente a fazer um exercício ridiculamente difícil como trepar um precipício apenas com as mãos ou algo assim. Responde Washigi cuspindo um caroço.
    -Onde queres chegar? Responde ela sentando-se à beira dele e tirando uma maçã do cesto.
    -Porque é que estamos aqui sentados?
    -Se calhar são umas férias bem merecidas. Responde Typios saindo da caverna sentando-se a beira de Teryu retirando uma banana do cesto.
    -Nah, com o mestre provavelmente está à procura de uma animal perigoso para nos lutarmos contra. Responde Teryu comendo o que resta da sua maçã.
    -Nada disso pupilos, responde o mestre atrás deles, hoje é o vosso último dia nesta caverna pois o vosso treino está completo.
    -A sério! Respondem Imna,Teryu e Typios em coro com um olhar espantado
    -Sim, já treinam comigo há mais de 2 anos, cresceram física e espiritualmente e sinto que não vós posso ensinar mais nada.
    -Uau! Sempre pensei que este dia chegaria mas não tão cado. Continua Imna.
    -Mas… replica Washigi, há algo que ainda não sabemos e que nos vai revelar logo a noite depois de apanharmos o jantar e preparar uma jantar enorme não é?
    -Óptimo já que percebem poupas-me o trabalho de vós ter de dizer o que fazer agora vão lá. Acaba o mestre entrando para a caverna
    -Bem eu trato dos frutos. diz Washigi saltando do precipício
    -Eu ajudo, continua Imna saltando também
    -E ao que parece nos ficamos encarregues de procurar carne e peixe. Diz Typios com um ar aborrecido.
    -Eu trato do peixe. diz Teryu saltando também do precipício
    -E como sempre eu fico com o mais difícil. Acaba Typois descendo o precipício lentamente.

    Mais tarde essa noite:
    -Estás atrasado. Diz Imna com um sorriso malicioso
    -Cala-te! Da próxima vais tu correr atrás de lebres e coelhos. Responde Typios caindo no chão. Espero que está revelação seja muito importante.
    -E vai ser. Diz o mestre saindo da caverna bocejando. Assim que prepararem o jantar.
    -Então mãos a obra. Diz Teryu arregaçando as mangas
    -Oh, vá lá não posso descansar uns 5 minutos? Grunhe Typios ainda no chão
    -Não se quiseres comer… Diz Imna fazendo um beicinho praticamente colada à cara de Typios.

    Uma hora e muitas queixas depois o jantar está finalmente pronto:
    -Óptimo agora podem ir tomas banho no rio lá em baixo, estão imundos. Continua o mestre
    -Pelo amor de … Queixa-se Typios, temos de descer e subir o monte outra vez
    -Não primeiro vão levar a comida até à clareira na floresta depois vão tomar banho e depois vão comer, continua o mestre com sorriso, Imna querida tu podes ir já tomar banho acho que tens tempo enquanto eles carregam o jantar.
    -Obrigado mestre. Responde Imna piscando o olha aos rapazes e saltando do monte.

    Depois de o jantar estar na clareira:

    -Olá rapazes. Diz Imna aparecendo. Se não se despacharem começamos sem vocês.
    -Bem vamos lá. Diz Typios deitando de costas. Já agora podem carregar com a minha carcaça até ao lago?
    -E já agora com a nossa. Diz Washigi encostado a uma árvore.
    -Não, agora despachem-se. Responde Imna com a língua meia de fora

    10 minutos depois:

    -Estamos de volta. Dizem os três rapazes em coro enquanto cambaleavam em direcção ao jantar.
    -Óptimo, venham a comida está perfeita. Diz Imna com a boca cheia.
    -Pois está, continua o mestre, fizeram um óptimo trabalho.
    -Isso é muito mas muito cruel sabem? Diz Washigi sentando-se

    Após os rapazes se sentarem e comerem o mestre retomou a palavra:
    -Bem a vossa formação como guerreiros está quase completa apenas tenho um último pedaço de sabedoria, a chave para o verdadeiro poder.

    Ao ouvirem isto os quatros aproximaram-se do mestre:
    -Como sabem, passaram os últimos 2 anos a treinar corpo e mente de forma ficarem mais fortes e devo dizer que estou impressionado com o vosso desenvolvimento, mas de forma a se tornarem verdadeiros guerreiros há uma última coisa que devem saber. O poder, o verdadeiro poder não vem de músculos ou perícia com armas vêm do coração lembrem-se disso quando estiverem em apuros pois pode vos salvar a vida, e a partir declaro-vos oficialmente livres de mim. Mas não se esqueçam de onde vieram e quem vos treinou.
    -Sim mestre. Respondem os quatro com respeito.
    -Humpf, agora vão mas voltem ouviram.

    Dito isso o mestre levanta-se e vai embora.
    -E agora? Pergunta Imna
    -Que mais, continuamos a viajar e a aprender, e segundo algumas conversas que tive com o mestre falta-nos um membro essencial do grupo. Continua Washigi
    -Qual? Perguntam os três.
    -Um médico… diz Washigi ao levantar-se, agora vamos.

    Dito isso levantam-se Washigi, Imna, Teryu e preparam-se para partir:
    -Não vens? Pergunta Teryu
    -Não podemos acampar aqui hoje por favor. Suplica Typios
    -Está bem. Responde Imna. Acho aqui ficámos bem.

    Dito isso caí e adormece instantaniamente
    -De que é que ela está cansada? Pergunta Typios
    -Mulheres… Acaba Washigi, não se consegue viver com elas nem sem elas.
    -Bem dito. diz Teryu
    -Apoiado. Continua Typios
    -E se não querem morrer hoje durmam. Diz Imna com um tom de voz sério abanando o seu grafo no ar.
    Com isso os quatro adormecem na clareira pensando no que o amanhã lhes guarda.

    Continua.


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Qui Jun 25, 2009 9:43 pm

    O 5º membro




    -Muito bem, que vamos fazer hoje? Pergunta Typios levantando-se e olhando à volta vendo que os outros ainda dormem. Oooh são tão queridos enquanto estão a dormir. Continua ele abanando os cantis. Acho que este tem água suficiente.
    Ao dizer isto despeja a água em cima dos outros dizendo:
    -Isto recorda-me os primeiros dias de treino. Ei acordem estamos a perder a luz do dia.
    -Vou te matar! Grita Imna
    -Por favor, deixa-me fazer as honras! Continua Washigi
    -Ya e acordem-me quando acabarem. Diz Teryu deitando-se outra vez.
    -Vocês não fazem ideia da piada que isto teve! Disse Typios rebolando no chão rindo como um louco.
    -Com que então gostas de piada com água não é? Diz Washigi metamorfisando-se e pegando nele pelos ombros. Anda, diz ele a Imna, acho que vais gostar. Já agora onde é o lago?
    -Para aquele lado, uns 100m. Diz ela com um sorriso.

    Washigi descola e voa em direcção ao logo com Typios nos braços:
    -Ei o que vais fazer? Pergunta ele enquanto que o sorriso se desvanece e dá lugar a uma expressão preocupada.
    -Bem nos já tomamos banho mas tu cheiras um pouco mal. Diz ele com um olhar malicioso. Olha o lago.
    -Demoraste. Diz Imna que esperava na margem.
    -Mais alto? Pergunta ele
    -Muito mais alto. Diz ela
    -O que vais fazer? Pergunta ele meio aterrorizado.
    -Dar-te banho, diz ele subindo mais um pouco, Aqui! Grita ele
    -Mais um pouco! Grita ela
    -Assim!! Grita ele um pouco mais alto
    -Não vais mesmo largar-me pois não? Quer dizer foi só uma brincadeira, não levaram a mal pois não? Pergunta ele aterrorizado
    -Claro que não por isso é que sabemos que também não vais levar isto a mal. Diz Washigi.
    -OK larga-o!!!! Grita Imna
    -Ouviste a senhora. Diz ele largando-o

    Após ter chegado até à margem:
    -Que bonito. Diz Imna fazendo um beicinho. Gostaste do banho?
    -Provavelmente foi um pouco de mais não achas? Pergunta recuperando o fôlego.
    -Não. Diz Washigi pegando em Imna ao colo. Já agora voltas a pé.
    -Arranjem um quarto. Diz ele levantando-se
    -OK. Responde Imna enquanto Washigi descola em direcção ao acampamento.

    Uns minutos depois no acampamento:
    -Eles ainda não chegaram? Pergunta Typios ensopado
    -Passaram por cá, responde Teryu, pediram-me para esperar por ti e disseram algo sobre arranjarem um quarto, mas vi-os a aterrarem naquela direcção. Vamos?
    -Anda antes que ela se queixe que estamos atrasados. Responde Typios

    Após andarem um bocado os dois chegam a uma pequena aldeia:
    -Quem diria que vivem pessoas no meio da floresta a beira de montanhas? Pergunta Typios agora quase seco.
    -Devem estar ali. Diz Teryu apontando para um restaurante.

    Ao entrarem:
    -Não disse? Disse ele ao dirigir-se para a para a mesa. Sabes, diz ele ao sentar-se, numa aldeia com esta é bem possível encontrar alguém que esteja disposto a acompanhar-nos.
    -Tens razão. Responde ele com a boca cheia. Tanto é possível como já estou a tratar disso.
    -A tratar disso? Pergunta Typios.
    -Sim, não notas que falta alguém?
    -Então ELA está tratar disso. Continua Teryu.
    -Não ela está ali a pagar. Já agora um de vocês está gravemente ferido.
    -Porquê? Perguntam eles.
    -Bem arranjar um médico numa aldeia tão pequena é relativamente fácil. Mas ela só colabora se algum de vocês estiver a morrer.
    -Ela não nem falar contigo quer?
    -Diz-me se querias falar com alguém cujos colegas entram pela janela das traseiras armados?
    -Ela tem mesmo de melhor a sua habilidade com pessoas. Continua Typios
    -Quem? Pergunta uma voz
    -A Imna quem havia de ser. Responde ele instintivamente.
    -O que foi que eu disse sobre falarem sobre mim nas minhas costas? Querias alguém ferido? Já volto. Diz ela arrastando Typios para fora do restaurante.

    Ela entra novamente alguns minutos depois:
    -Quanto ao quase a morrer, nada feito mas algumas marcas e noduas negras estão a espera lá fora.
    -Obrigado querida. Responde ele com um sorriso nos lábios levantando-se. Volto mais tarde.

    Essa mesma noite:
    -Olhem vou tentar convença-la a juntar-se a nós se não voltar hoje não esperem acordados. Diz Washigi enquanto se prepara para sair.
    -Espera não voltas hoje? Pergunta Typios intrigado.De que raio estiveram vocês a falar enquanto eu estava inconsciente?
    -Digamos que ela tem uns hábitos um pouco para o estranho. Diz ele saindo.
    -Vamos atrás dele? Pergunta Teryu
    -Claro! Responde Typios

    Após o seguirem até a farmácia vêem no a pegar no tridente e a saltar a vedação dirigindo-se para a traseira do edifício:
    -Isto está a ficar cada vez mais estranho. Diz Teryu

    Nesse momento vêem algo a sair do mesmo sitio por onde Washigi entrou e a ficar cravado na parede:
    -Algo me diz que ela não estava á espera dele… Continua Typios aproximando-se

    Ao chegar a vedação vê que ambos estão a lutar mas nenhum dos dois metamorfizado ou com uma arma na mão. Após umas duas horas de combate Washigi já demonstra sinais de cansaço mas a rapariga continuava como se nada fosse:
    -Quando foi a última que o viste com tantas dificuldades? Pergunta Teryu
    -Nunca. Responde Typios

    Nesse momento Washigi apanha com um pontapé certeiro na cara e outro no estômago sendo projectado contra uma parede:
    -E isto é 100% inédito. Diz Typios.
    -Acho que foi com demasiada força. Diz ela. O coitado desmaiou. E vocês vão ficar aí a noite inteira ou vão me ajudar a carregar com ele até á dentro. Grita ela olhando para os dois.

    Uns minutos e algumas ligaduras depois:
    -Então deixem-me ver se percebi, vocês querem que eu saia da aldeia e que vos acompanhe na vossa viagem?
    -Sim. Responde Teryu
    -O que posso ganhar com isso?
    -Treino, experiência,… Continua Typios.
    -Pode ser então.
    -Só temos de dizer isso? Não queres ficar por teres nascido aqui? Vais abandonar os teus pais e aldeia sem mais nem menos?
    -Para ser honesta nunca gostei de viver aqui. É demasiado calmo e ando a procura de uma razão para ir para fora treinar a muito tempo.
    -Wow, acho que me partiste uma asa. Diz Washigi acordando.
    -Asa? Quem achas que és? Tu não tens asas? Diz ela confusa.
    -Metamorfizado tenho. E aquele pontapé é bem capaz de a ter partido. Ora vê. Responde ele metamorfizando-se.
    -Yup, está bem partida. Desculpa lá. Já agora decidi acompanhar-vos, eles contam-te a história. E já agora Chika Raikory.
    -Washigi Tanketsu
    -Typios Heria
    -Teryu Ronios
    -E a adorável jovem que te invadiu a casa é a Imna Geria. Responde Washigi levantando-se. Bem deixo-te para arrumares as tuas coisas parti…
    -Eles vão tu não. Responde ela
    -Porquê? Perguntam os três.
    -A partir do momento em que entraste aqui com isso partido passaste a paciente e só sais quando eu disser. Quanto a vocês os dois se não querem acabar pior estamos fechados.
    -Sim senhora. Dizem eles saindo.

    Cá fora:
    -Já não bastava uma mandona agora são duas. Queixa-se Typios
    -Se calhar podem se anular parecem ter personalidades diferentes. Continua Teryu
    -Tu sabes que isso não vai acontecer não sabes?
    -Sei… Responde Teryu quase a chorar de desgosto.
    -Já agora como explicamos a Imna que ele não veio dormir?
    -Eu vou esperar a porta da vila. Diz Teryu dirigindo-se para a saida da vila
    -Tens razão eu acompanho-te. Começando a correr em direcção a saida da vila.

    Continua...


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Qui Jun 25, 2009 9:43 pm

    Um novo alvo: Fieria


    -Bom dia rapazes. Diz Imna sentada à beira deles enquanto que estes acordam à porta da aldeia. Só por acaso não sabem onde esta o Washigi.

    No momento em que estes se vão levantar notam que estão amarrados:
    -Bem quer dizer… mais ou menos. Começa Typios.
    -Mais ou menos… Pergunta ela. Ou sabes mesmo?
    -Se prometeres não nos magoar eu conto-te. Diz Teryu.
    -Fazemos antes assim ou me dizes ou mato-te, se te mato depois depende da resposta.
    -Lembraste daquela médica que tentamos recrutar para o grupo, começa Teryu, bem ele foi falar com ela acabaram a lutar e ela partiu-lhe uma asa.
    Imna começa a demonstrar sinais de raiva.
    -E depois aceitou tratar dele e por ordem dela ele ficou a noite no consultório para observação. Acaba ele.
    -Bem, eu sou não vos mato por duas razões. Um preciso de vocês, dois preciso da energia para matar aqueles dois.

    Com isso deixa-os amarrados a uma árvore e parte em direcção a farmácia. Quando la chega parte a porta com pé:
    -Desculpe ainda estam… ahh és tu. Que queres? Pergunta Chika enquanto guarda uns frascos numa mochila.
    -Onde está ele?! Pergunta ela contendo o grito.
    -Está a dormir. E tu não o vais acordar. Continua ela completamente desinteressada.

    Mas assim que se volta nota que ela já não estava na entrada e depois só ouve:
    -ACORDA!
    -O quê!?!?! Diz ele acordando de sobressalto. Oh não… Diz ele vendo Imna claramente enfurecida. Ahh boas noticias… arranjei um médico?
    -Óptimo porque vais precisar dum.
    -Por favor não faças isso. Diz Chika entrando na sala. Já lhe dei a sua quota ontem.
    -E tu quem és?
    -Chika Raikory, ao que parece estamos na mesma equipa. Quem diria? Continua ela ainda mais desinteressada.

    Uns momentos violentos mais tarde:
    -Bem vamos passar ao que interessa. Diz Imna. Algum de vocês já leu as notícias hoje?
    -Nem por isso, dadas as circunstancias.
    -Então vejam isto, começa ela a ler, o Rei de Fieria foi derrotado por Camaleão parece que o combate demorou menos de 5 minutos e a vitoria foi esmagadora.
    -Bem, sempre achei que esse conseguisse defender a posição por pelo menos mais 5 anos. Diz Washigi intrigado. O homem deve ser muito forte.
    -Esperem há mais, continua ela a ler, diz aqui que ele está a começar a mobilizar exércitos para as fronteiras. Os outros Reinos dizem esperar o pior preparando-se para a guerra.
    -Isso é uma loucura toda a gente sabe que no que toca a formação militar e exercito Fieria é o Reino mais poderoso. Explica Chika.
    -Relacionado com esta história aparentemente Reius sobreviveu ao combate e encontra-se em recuperação, ele jura voltar embora as suas feridas o possam manter fora de acção por pelo menos 9 meses. Continua Typios.
    -Porque juraria ele voltar se a vitória foi de tal forma esmagadora? Pergunta Washigi. Isto faz me lembrar uma historia que o meu pai me contou a uns atrás. Qual é o nome do vencedor?
    -Gireu Hitomissu. Diz Imna
    -HITOMISSU!! Exclama Washigi. Espero que seja apenas uma coincidência.
    -Queres dizer com isso? Pergunta Imna.
    -Bem a uns anos atrás o meu pai contou uma história sobre um homem chamado Teusso Hitomissu, pois eu estava a fazer batota em alguns combates. Ele disse que foi um homem que a uns anos atrás desafiou o Rei de Spectra e para surpresa de todos venceu-o com uma rapidez assombrosa. Este jurou que voltaria e assim que o fez derrotou-o em menos tempo do que com o combate original.
    -Onde queres chegar com essa história? Pergunta Chika.
    -Deixa-me acabar. Ao que parece após a vitória o antigo Rei que passou a ser o novo novamente, anunciou ter sido drogado antes do primeiro e por isso perdeu de tal forma. Decidiu guardar segredo durante o tempo em que esteve ferido pois isso poderia ser encarado como traição. Mas uma amostra de sangue recolhida depois do primeiro combate provou o que este dizia.
    -Não achas que… Diz Imna
    -É bem possível que ele esteja a tentar repetir a proeza mas se guerra for declarada será terrível. Continua ele
    -Sim mas essa história é conhecida será de esperar que alguém repare. Diz Typios
    -Eu acabei de te a contar sentes pronto para desafiar alguém que pode ser forte ao ponto de derrotar um grande guerreiro com facilidade com base nela? Pergunta ele.
    -Estou a ver… então que propões que façamos? Pergunta Teryu.
    -Porquê nos? Continua Imna
    -Porque nos somos parvos ao ponto de o desafiarmos com base numa história, não é Washigi. Continua Typios. Senão porque mais nos contarias essa tal história?
    -É claro que vamos sem qualquer sombra de duvida. Já agora quando é que o Gireu tomou controlo?
    -Ontem. Responde Imna
    -Então não há tempo a perder! Novo rumo pessoal, Fieria!
    -Tens a certeza disto? Pergunta Chika. Não é que isso tenha alguma coisa que ver connosco.
    -É claro que não tem certeza mas isso não o vai impedir. Ele não acredita em coincidências. É um imbecil. Diz Teryu com um sorriso.
    -Ei! Diz Washigi
    -Sim pois é, continua Imna com um sorriso ainda maior enquanto se apoia nele, mas é o nosso imbecil e onde ele for nos também vamos.
    -Estou a ver que é impossível discutir convosco, para Fieria então. Cede Chika
    -Visto que estamos todos de acordo, vamos dormir para amanhã partirmos. Continua Typios.
    -Estou comovido mas antes disso há uma coisa que quero fazer, vai parecer inútil e se calhar até cliché mas que raio de aventura seria esta se não fizermos um juramento. Diz ele pondo a mão no chão continuando. Para ser o Rei de Spectra.
    -Tens razão é uma ideia cliché e inútil, continua Imna pondo a sua mão por cima da de Washigi, para porvar o meu valor.
    -Para honrar a minha família. Continua Typios também pondo a mão.
    -Para proteger os meus amigos e aqueles que amo. Continua Teryu
    -Não. Diz Chika.
    -Que queres dizer com “não”? Pergunta Washigi
    -Eu aceitei juntar-me a vocês, não quer dizer que sejamos amigos. Apenas colegas.
    -Sabes que podemos ficar aqui a noite inteira? Continua ele
    -Está bem então, diz ela também pondo a mão, mas não faço ou digo mais nada.
    -Bem acho que serve para começar. Diz Teryu
    -São estas as promessas que fazemos enquanto partimos para uma nova aventura. Promessas que juramos cumprir, promessas que vamos proteger e com elas para Fieria partimos. Acaba Washigi
    -Para Fieria! Gritam todos enquanto levantam as mãos.

    Continua…


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Qui Jun 25, 2009 9:44 pm

    Assim que eles partiram rumo a Fieria a guerra começou e as quatro nações debatem-se Fieria parece não ter grandes dificuldades em manter 3 frentes em simultâneo. Após árduas batalhas o grupo finalmente chega até ao castelo de Fieria. Seguidos por apenas alguns soldados e dois capitães que neles acreditam estabelecem um acampamento perto no castelo preparando o ataque.

    Estes episódios estão a vosso critério.


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Qui Jun 25, 2009 9:45 pm

    Os três guardiões.



    -A calmaria antes da tempestade, como a odeio. Diz Washigi deitado olhando para o tecto.
    -Aproveita que daqui a umas horas vai desejar que ela nunca acabasse. Responde Typios enquanto atirava agulhas contra uma árvore.
    -Não sei, acho isto…estranho. Parece um dia tal como os outros o vento sopra, os pássaros cantam. E nos estamos aqui como se nada fosse. Continua Washigi. Enerva-me.
    -As preparações estão feitas. Diz Teryu ao chegar. Tens a certeza que não queres que os soldados ajudem?
    -Porquê? Provavelmente morreriam todos, sabes isso tão bem como eu.
    -Ao que parece todo aquele treino serviu para alguma coisa. Diz Typios com um sorriso. Mas, continua ele com uma cara mais seria, mesmo assim não me sinto pronto.
    -E agora que vais começar com as dúvidas? Pergunta Imna do topo da árvore. Nenhum de nós se sente optimista quanto a isto. Já agora de que preparações estavas a falar?
    -Espero que saibas que não vais sair ilesa deste combate. Começa Teryu.
    -Foi eu que lhe disse para avisar os soldados para prepararem um posto médico com a ajuda da Chika, continua Typios, quando isto acabar provavelmente vamos precisar dele.
    -Mais conversa deprimente… continua ela.
    -Que queres que diga? Olha de certeza que vamos ficar todos bem. E isso que queres ouvir?
    -Ele tem razão. Diz Chika ao chegar. De certeza que vamos sair feridos senão mortos deste confronto. Mais vale enfrentar já a verdade.

    Depois destas palavras os cinco olharam para o céu e nada mais foi dito até que Washigi se levantou:
    -20 minutos. E depois vai para dentro da tenda.
    -Está quase na hora da partida… diz Imna ao que parece vamos mesmo com isto para a frente.

    Chika, Teryu e Imna partem cada um para a sua tenda para se preparar enquanto que Typios que já se encontrava equipado continua sentado:
    -Ele tem razão esta calmaria é assustadora. Diz ele ao levantar-se.

    Depois de se levantar faz um leve corte no polegar e espalha o sangue por uma agulha lançando-a contra a árvore:
    -Espero que estejas aí quando voltar. Diz ele indo-se embora.

    Depois de estarem todos equipados dirigem-se para a saída do acampamento:
    -Tomar um castelo vazio de assalto. Diz ele com uma leve risada. Só vendo. Muito bem pessoal tal como vamos todos subir esta rampa vamos todos desce-la tal como estamos agora… vivos!!
    -Também gostava de descer inteiro, mas vivo também dá. Continua Typios dando o primeiro passo.
    -Exibicionista. Diz Imna fazendo o mesmo.
    -Depois de ti. Diz Teryu a Chika.
    -Que corajoso. Diz ela dando um passo.

    A medida que se aproximam do portão notam três silhuetas que erguem a seus pés:
    -E vocês são? Pergunta Washigi parando.
    -Os nossos nomes não são do vosso interesse. Responde um
    -Nos somos apenas os guardiões. Diz outro.
    -E fomos enviados para vos matar. Diz o último pegando numa foice.

    Os outros dois fazem o mesmo.
    -Vocês combatem com as mesmas armas? Pergunta Imna espantada.

    Nesse momento os três metamorfizam-se em lobos:
    -E tem a mesma metamorfização. Diz Typios pegando numa agulha.
    -Gémeos. Diz Chika. Que estranho parecem réplicas.
    -Ao que parece vamos ter mais um obstáculo antes do objectivo final. Diz Washigi pegando no tridente.

    Nesse momento todo o grupo metamorfiza-se:
    -Vamos abater estes três e retirar antes que ele chegue. Voltamos amanhã descansados e renovados. Diz Chika.
    -Porquê? Pergunta Washigi.
    -Não quero que a condição física atrapalhe no combate.
    -Se é isso pode ser então. Já agora não era isso que tinhas na mão quando lutamos pela última vez.
    -O quê isto? Pergunta ela levantando a faca. Dá mais jeito em combate.
    -Nenhum de vocês sobrevivera para chatear o mestre. Diz o primeiro.
    -Veremos. Diz Imna.
    -Typios, Teryu sabem como é. Apontar e disparar. Diz Washigi.
    -Eu trato do da esquerda. Diz Imna.
    -Sendo assim eu fico com o da direita. Diz Chika.
    -Que sorte te tenho por ficar sempre no meio. Diz Washigi com um sorriso. Já chaga de conversa.

    Nesse momento os seis investem, cada um sobre o seu oponente. Assim que se ouve o primeiro impacto Teryu vira-se para Typios:
    -Trata da ofensiva tenho uma surpresa para eles. Apanha. Diz ele atirando um frasco com um líquido verde. Veneno mortal vai te dar jeito.
    -Despacha-te. Diz ele molhando uma agulha.
    -2 minutos.
    -ALÔÔÔÔÔ! Grita Washigi. Suporte por favor. Enquanto se desvia de um golpe e prende as pernas do homem com a pega e atirando-o ao chão.
    -È isto é uma equipa se não ajudarem vai dar para o torto. Responde Imna com os garfos presos na foice do outro enquanto que esta se aproxima da cabeça dela.

    Depois de uns gritos os três homens dão um salto para trás para se esquivarem das agulhas:
    -O Teryu está preparar qualquer coisa aguentem-nos. Diz Typios. Vou passar a ofensiva de curto alcance.

    Typios agora debate-se juntamente com Imna. Ambos demonstram grandes dificuldades em montar uma ofensiva pois o seu adversário demonstra uma grande agilidade:
    -Consegues ocupa-lo para alguns segundos? Pergunta Imna.
    -Se te despachares. Responde ele agarrando-se a um braço do homem subindo ao longo dele espetando uma agulha no pescoço do mesmo. Isto vai imobiliza-lo por uns segundos. Diz ele dando um mortal no ar.
    -Mais do que suficiente. Forma do Gato 2º Kata: Garras Assassinas.

    Ao acabar a frase lança-se contra o oponente espetando-lhe ambos os garfos no estômago usando-os como apoio para saltar por cima dele agarrando-se ao seu pescoço e rasgando-o com as garras:
    -Humpf, diz ela sacudindo as mãos, fácil demais.

    Nesse momento os outros dois ficam completamente imóveis e ouve-se Teryu:
    -Acabem com eles já não se mexem mais.
    -Mas o que é isto? Pergunta Washigi abismado.
    -Teia de Tarântula. Diz ele. Presos como moscas.

    Depois de ambos estarem mortos:
    -Estão todos bem? Pergunta Chika.
    -Dois cortes. Responde Washigi.
    -Nos estamos bem. Continua Imna.
    -Um pouco cansado. Diz Teryu ofegante.
    -Óptimo nada de muito grave agora voltamos para…
    - Trás. Continua uma voz que sai do interior do castelo. Olá.
    -Deixa-me adivinhar Gireu. Diz Washigi agarrado ao braço que sangrava.
    -Sabem eu podia matar-vos aqui e agora mas não o vou fazer. Continua ele. Derrotaram a minha guarda de elite com facilidade vou gostar de lutar contra vocês, mas não quero estragar o MEU castelo. Por isso dou-vos 16 horas para se encontrarem comigo naquela planície. Diz ele apontado para o lado. Resolvemos isto lá.
    -Então que o relógio comece a contar. Começa Chika.
    -Vamos resolver isto de uma vez por todas. Acaba Washigi.

    Continua…


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Qui Jun 25, 2009 9:45 pm

    Uma derrota total?


    De volta ao acampamento:
    -16 horas. Suspira Imna.
    -Sim, continua Teryu, não vai ser fácil esperar.
    -Que estão para aí a dizer? Pergunta Chika. Deviam estar ou a treinar, ou a descansa, não a filosofar.
    -As feridas são graves? Pergunta Imna preocupada.
    -Nada de mais uns arranhões. Responde ela. Onde está o outro?
    -A beira da árvore onde estávamos antes de partirmos hoje. Responde Teryu.
    -Então vai chamá-lo e diz-lhe para ir dormir, vai precisar para amanhã estar pronto. Continua Chika. E tu faz o mesmo. Diz ela olhando para Imna.

    Dito isto afasta-se do grupo entrando numa tenda:
    -Vou chamá-lo e sabes ela tem razão devias descansar. Diz Teryu.
    -Eu sei mas acho que, mesmo que tentasse não adormeceria. Responde ela.

    Assim foi enquanto todos dormiam Imna continuava sentada no ramo da árvore olhando os montes. Assim que o Sol nasce Washigi sai da tenda e depara-se com Imna ainda sentada na árvore:
    -Posso me juntar a ti? Pergunta ele sentando-se.
    -Sabes que mais tinhas razão. Esta calmaria é demasiado estranha parece que o mundo está em paz, e nós vamos lutar para que ele continue assim.
    -Não penses mais nisso. Diz ele pondo-lhe a mão no queixo. Ontem também pensava nisso, mas hoje apenas me apetece desfrutar o momento. Diz ele aproximando-se dela.

    E quando eles se encontravam a centímetros de distância algo bate na cabeça de Washigi e este cai da árvore:
    -De todo que esperava que estivesses a fazer esta seria a última da lista. Diz Chika.
    -Não podias ter esperado 5 segundos antes de me acertares com uma pedra? Pergunta ele.
    -Se tivesse esperado não te tinha acertado com uma pedra. Agora tu vais para a cama, ainda não estas na tua melhor forma e espero que estejas amanhã.
    -Sim senhora. Responde ele olhando para o chão com um olhar deprimido.
    -Quanto a ti, vais fazer o mesmo só que num tenda diferente. Acho que o que ele te disse acalmou-te e ainda tens 8 horas por isso vai dormir. Diz Chika a Imna.

    Imna desce da árvore e aproxima-se de Chika parando à frente dela e dizendo com uma voz calma e baixa:
    -Nunca mais nos interrompas ou juro que te mato. Diz ele com um olhar frio.
    -Isso é uma ameaça? Pergunta ele com um olhar malicioso.
    -Considera-o um aviso. Uma promessa mesmo.

    Com isso Imna retira-se para a sua tenda deixando Chika plantada:
    -Ela não parecia estar a brincar. Diz Chika para si mesma.
    -E não estava. Continua Typios. Se tu soubesses a história toda tinha-los deixado em paz. Sabes ela não o deixa transparecer mas no fundo gosta mesmo dele.
    -Não o deixa transparecer, diz ela com uma risada, soube que ela gostava dele assim que ela o acordou no meu consultório. A razão pela qual me intrometi foi porque não os quero com dúvidas quantos aos seus sentimentos enquanto enfrentámos perigo mortal. Pode não parecer mas eu interesso-me pelo vosso bem-estar, físico e psicológico.
    -Quem diria, afinal tens um coração. Diz ele.
    -E se não quiseres ver o teu de perto sugiro que vás dormir.
    -Sim, sim, sim eu sei. Até já. Diz ele indo-se embora.

    Chika também se retira para a sua tenda onde adormece pensando no que viu, ouviu e disse.
    Ao chegar a hora pré definida o grupo encontra-se com Gireu na planície:
    -Sempre vieram, diz ele com um ar superior, parece que vou ter tudo o prazer em matar-vos um por um.
    -Pessoal isto vai ser diferente de qualquer confronto que já tivemos até hoje. Será uma verdadeira batalha até à morte.
    -Ainda bem que percebem e como devem saber só há uma regra:
    Não Há Regras. Diz ele olhando para o grupo lambendo o lábio superior.
    -Vamos então.

    Nesse momento os seis metamorfizam-se. E enquanto o grupo se arma Gireu observa-os:
    -Não vais usar a tua arma? Pergunta Imna.
    -Quanto a isso vão ter uma surpresa. Agora… venham!

    Ao acabar a frase Imna lança-se numa investida contra ele. Este apenas desvia o braço dele para o lado acertando-lhe depois com o joelho no estômago e pontapeando-a para junto do grupo novamente.
    -Que tristeza. E pensar que saí da cama para isto. Quem é a seguir?

    Typios e Teryu trocam olhares acenando com a cabeça. Typios começa a correr até ao lado esquerdo de Gireu lançando-se contra ele enquanto que Teryu cospe veneno na sua direcção. Typios passa seis agulhas pelo veneno que ainda está no ar preparando-se para atacar. Assim que este lança as agulhas contra o adversário este a apenas levanta a mão e as agulhas ao tocarem na luva que este tinha calçado são deflectidas. Typios agarra-se ao braço dele que ainda se encontrava estendido usando-o com apoio para tentar soqueá-lo mas este usando o outro braço passa as pontas dos dedos no braço que Typios que lhe causam cortes ao longo da superfície tocada. Typios salta para segurança analisando o braço e espantado pergunta:
    -Como?
    -Como repeli o teu ataque? Ou como que fiz os cortes? Bem a resposta é simples, diz ele tirando as luvas expondo um novo par de luvas metálicas, esta é a minha arma.
    -Luvas de metal? Uma arma no mínimo estranha. Comenta Washigi. Vamos pô-la à prova. Diz ele começando uma investida.

    Assim que ele se aproxima de Gireu impulsiona o seu tridente contra ele. Este apenas o desvia com a mão em direcção ao chão, mas Washigi plantando-o no chão usa o como apoio para tentar pontapeá-lo. Mas Gireu dá um salto para trás esquivando o ataque e depois dando outro salto para a frente agarrando em Washigi pelas pernas e batendo com ele no chão.
    -Vamos lá 3 minutos e já estão 3 no chão. Que raio de guerreiros são vocês?

    Dando um passo para trás nota que pisa algo branco e peganhento:
    -Direitinho na armadilha. Força Chika! Grita Teryu puxando um pedaço de teia que solta vários pedaços de árvores que se encontram as proximidades. A medida que Chika e as teias se aproximam Gireu começa a esboçar um sorriso. E quando ambos se encontram em seu alcance em menos de um segundo ele corta todas teias que vinham na sua direcção e arranha Chika no estômago e na perna esquerda. Teryu salta em seu socorro apanhando-a e levando-a para longe dele:
    -Um médico não pertence ao campo de batalha. Diz ele com uma voz trocista. Mas tenho de admitir é a primeira vez que luto com uma tarântula e não estava a espera disto mas…. Diz ele cortando o pedaço que lhe prendia o pé. Estou sempre aberto a novas experiências.

    Ao dizer isso lança um assalto contra Teryu acertando-lhe com um grande numero de pancadas pelo corpo todo e antes de este cair agarra-lhe na cabeça e soqueia-o mais uma vez no estômago, deixando-o depois cair ao lado de Chika que agora sangrava.
    -Só isto? Vieram de tão longe para eu vos derrotar em menos de cinco minutos?
    -Bem que hei de fazer? Acho que só tenho de acabar com vocês um por um. A começar pelo lagarto. Diz ele aproximando-se de Washigi e elevando-o pelo colarinho.
    -Adeus…


    Continua…


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Sex Jun 26, 2009 5:17 pm

    Embora este seja um episódio de combate é muito difícil descrever uma cena de combate por isso por favor usem um pouco a imaginação. É claro que as partes mais importantes estão presentes.

    Um último assalto. O dragão explosivo.

    -Concordo, diz Washigi com um sorriso, adeus…
    -Fazer bluff não te vai ajudar. Diz Gireu elevando a garra.
    -Bem então o meu bluff vai agora tentar te matar.

    Assim que ele acaba a frase Imna salta por cima dele apoiando-se no ombro de Gireu e empurrando-o contra o chão:
    -Dás-me a honra de esta dança? Pergunta ela elevando as pernas.
    -Que estás para aí a dizer? Pergunta Gireu enquanto que Washigi começa voar.
    -Dança de Impacto. Sussurra ela enquanto esmaga o peito dele com os pés e salta.

    Washigi, que agora se encontra a uma altura considerável, agarra nela:
    -Vai descer. E dá-lhe uma ajuda a subir. Diz ele lançando a contra Gireu. O impacto causa uma cratera enquanto que Imna agarra nele e o lança contra Washigi. Este acerta-lhe com o calcanhar no estômago surrando também:
    -Cometa Flamejante. E enquanto Gireu cai em direcção ao chão Washigi cospe uma bola de fogo na sua dirrecção. O impacto causa uma explosão enorme. Typios e Teryu ficam abismados:
    -Não é altura de ficar espantados. Grita Imna. Acabem com ele.
    -Sim senhora. Dizem eles saltando mas quando se vão preparar para atacar Gireu salta de dentro do fumo acertando um murro em cada um entrelaçando os seus braços à volta de ambos os pescoços aterrando em cima deles com os joelhos.
    -Boa tentativa, mas vai ser preciso mais do que umas pancadas e um fósforo para me derrotar. Diz ele limpando um pouco de sangue que lhe escorria da boca.

    Washigi pega novamente no seu tridente e aponta-o a Gireu. Este começa a andar na sua direcção lentamente enquanto olha para os olhos dele. Assim que se encontra quase ao alcance do tridente pára e olha para trás:
    -Agora aqueles três já não nos vão chatear mais.
    -Então parece que somos só nos os três.
    -Tu és a única ameaça presente, se ela tentar algo engraçado acabo com ela.

    Washigi retoma a ofensiva mas Gireu desvia todas as impulsões com uma só mão com grande facilidade. Até que agarra nele e tira-o das mãos de Washigi invertendo os papéis. Agora Washigi desvia-se da sua própria arma com dificuldade enquanto recua em direcção a umas árvores. Ao bater contra uma parece encurralado quando Gireu lança outro ataque mas antes de o ataque lhe acertar lhe acertar uma seta corta um pedaço de fio que estava preso a essa árvore soltando duas mais que agora voam na direcção de Gireu. Este salta para trás largando o tridente enquanto ambas as setas ficam presas no chão:
    -Pensavas que te livravas de mim tão facilmente? Pergunta Teryu no topo de uma árvore.
    -Se calhar devia ter-vos morto.
    -Achas? Pergunta Imna atrás dele. Vou tentar uma coisa “engraçada”. Diz ela prendendo as garras aos braços dele e rasgando-lhe os músculos. Gireu salta para trás com um rugido:
    -Não esqueceste de mim, pois não? Pergunta Typios espetando 7 agulhas em volta do pescoço dele saltando em seguida por cima dele juntam do se aos outros.
    -Onde está a Chika? Pergunta Washigi.
    -Em segurança. Reponde Teryu.
    -Vou matar vos a todos a todos. Diz Gireu arrancando as agulhas do pescoço.

    E antes do grupo se conseguir por em posição de defesa Gireu inicia uma investida agarrando no braço de Teryu partindo-o atrás das costas dele. Em seguida agarra em Imna acertando-lhe com um pontapé lançando-a ao ar enquanto arranha o braço de Typios e o pontapeia para longe do grupo. Acertando em seguida em Washigi com a mão livre e quando Imna caia este faz lhe três cortes ao longo das costas agarrando-a pelo pescoço e lançando-a contra uma árvore. Washigi que agora se levantava é apanhado de surpresa enquanto que Gireu lhe agarra na cabeça batendo com ela repetidamente no joelho. Após os quatro estarem no chão quase inconscientes ele diz:
    -Disse que a matava se tentasse alguma coisa engraçada. Diz ele andando na sua direcção com olhar louco e respirando pesadamente.

    Ao chegar a beira de Imna eleva-a pelo pescoço e eleva a mão livre apontando as garras para ela:
    -Primeiro mato-te a ti em seguida aquele macaco, passando depois para a tarântula, a seguir vão procurar a vossa médica e fazer-lhe o mesmo e só depois o mato a ele. Diz ele calma e pausadamente. Agora morre. Grita ele.

    Mas antes da garra estar espetada em Imna o braço dele pára e nota-se uma mão preta que a agarra. Ao olhar para o lado apenas vê Washigi cujas escamas começam a mudar para um tom mais escuro:
    -Tu… não… vais… matar… ninguém… Diz ele.
    -E quem me vai impedir? TU? Grita ele enquanto aperta o pescoço de Imna.

    Nesse momento Washigi com a mão livre acerta uma cotovelada no estômago de Gireu este larga Imna e agarra-se a região atingida grunhindo. Antes de Imna tocar no chão Washigi agarra-a caminhando lentamente em direcção a Teryu.
    -Leva-os para longe de aqui. Diz ele enquanto o corpo dele parece ser consumido pelas escamas pretas.
    -Então e tu?
    -Vou acabar o serviço. Diz ele saltando para a beira de Typios pegando nele e voltando para perto de Teryu. Agora vai.
    -Vou deixá-los no acampamento e volto já.

    Nesse momento Gireu salta por cima de Washigi dizendo:
    -Se achas que te vou deixar fugir…

    Mas antes de acabar a frase Washigi agarra-lhe a cauda puxando-a. Assim Gireu se encontra a beira dele este acerta-lhe novamente no estômago e em seguida da inicio a uma série de ataques devastadores que deixam Gireu no chão. Washigi eleva-o pelo colarinho dizendo:
    -O único que vai morrer hoje…

    Mas antes de acabar a frase Gireu eleva um dos braços arranhando-lhe o peito. Washigi larga-o e este assim que põe os pés no chão inverte os papéis agarrando em Washigi pelo pescoço:
    -… és tu. Acaba ele. Eu queria que fosses o último a morrer mas acho que não posso evitar matar-te agora.

    Assim que acaba a frase fica numa posição estática com uma cara de espanto:
    -Como? Pergunta ele olhando para baixo vendo o braço de Washigi atravessado no seu corpo.
    -Não devias subestimar os teus adversários. Diz ele pondo os pés no chão retirando a mão deixando-o cair no chão. E agora vou certificar que tu nunca mais magoas ninguém.
    -De onde tiras tu tanto poder?
    -De um sitio de onde tu não conseguiras. Diz elevando o tridente. Sabes eu sempre achei que retirar poder do coração significava empanar-me a fundo em tudo que fazia. Mas tu mostraste-me que não. Mostraste-me que é lutar por aqueles de quem eu gosto e por isso é que tenho tanto poder. Para proteger aqueles que me são queridos. Dito isso espeta o tridente a beira de Gireu soltando um rugido que causa uma explosão colossal que consome quase tosa a planície.

    Pouco depois Teryu chega a correr agarrado ao braço e ao chegar à beira de Washigi que estava deitado no chão quase inconsciente e este diz-lhe:
    -Eu disse-te, ele estava a tentar repetir a proeza… desmaiando de seguida.

    Continua…


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Dom Jun 28, 2009 8:22 pm

    Depois do combate

    Washigi acorda num quarto com o som de água a correr. Ao levantar-se nota que as suas ferids estão tratadas e cobetas de ligaduras. Penosamente agarrando o seu tridente para poder andar e dirige-se para a casa de banho. Com a visão ainda um pouco turva diz:
    -Quem esta aí?
    -Sou eu. Responde Imna pondo a cabeça fora do chuveiro no preciso momento em que Washigi desvia a visão dizendo:
    -Juro que não vi nada desta vez.
    -Eu sei que não, agora volta para a cama que eu já vou ter contigo.

    Washigi arrasta-se de novo até cama e senta-se encostado à cabeceira. Nesse preciso momento a água para de correr e uns segundos depois Imna sai coberta apenas por uma toalha. O olhar de Washigi segue enquanto esta atravessa o quarto e para em frente ao armário abre-o tira de dentro a sua roupa e vira-se de costas para Washigi e deixa cair a toalha. Este olha fixamente para ela notando as ligaduras que lhe cobriam as costas. Depois de se vestir ela pega num garfo olhando para Washigi, este com algum receio diz:
    -Não vais matar por ter ficado a olhar, pois não?
    -Dadas as circunstâncias… não. Diz ela enquanto atravessa novamente o quarto e agarra num maçã que está pousada num tabuleiro em cima de uma mesa.

    Começa a descasca-la enquanto diz:
    -Tens fome?
    -Um pouco. A quanto tempo estou a dormir?
    -Não sei. Acordei a pouco mais de uma hora mas devemos estar a dormir a pelo menos 36 horas.
    -Uau! Isso é que deve ser algum recorde.
    -Bem, diz ela cortando a maçã em gomos pondo-os num prato, acho que tens razão és mesmo o campeão dos preguiçosos.
    -Va-lá, sê simpática não aguento mais humor trocista.
    -Anda lá come, diz ela sentando-se à beira dele dando-lhe um gomo.
    -Não te importas, não consigo mexer o braço.
    -Já que o dia é tão fora do normal. Diz ela sorrindo enquanto lhe mete o gomo na boca.
    -Obrigado. Diz ele ainda com a boca cheia
    -Não tens de quê. Diz ela aproximando-se.

    E quando se encontram apenas a uns centímetros de distância ouvem alguém a bater à porta:
    -Eu vou lá. Diz Imna com um voz claramente desiludida.
    -Imna! Óptimo vejo que já te aguentas em pé. Como vai o Washigi? Pergunta Chika
    -Acordado, com fome e algumas dores. Responde ela.
    -Diz lhe para entrar. Diz Washigi ainda na cama.
    -Acho que o ouviste.
    -Bem, tu não pareces grande coisa. Estás bem?
    -Define “bem”. Diz ele
    -A mim parece-me “bem”. Diz Imna descascando mais uma maçã
    -Que sentes? O que te dói? Queres alguma coisa?
    -Vou te responder por ordem: Quase nada para alem de dor. O corpo todo especialmente o peito e que saias de quarto para nos acabarmos uns assuntos inacabados.
    -És servida? Pergunta Imna com mais prato de maçã
    -Não obrigado. Responde Chika
    -Por favor e obrigado. Responde Washigi enquanto abre a boca.
    -Bem não pareces assim tão mal. Volto daqui a meia hora para ver se fazes mais progressos.
    -Volta daqui a 2 ou 3 por favor, mas se quiseres mesmo volta daqui a uma.
    -Meia hora para ter a certeza que não fazes nada que te prejudique ou a ela, a situação dela não é melhor que a tua sabes?
    -Então sai e liga cronometro.
    -Está bem vou vos deixar sozinhos porque ASSUMO que sejam responsáveis.
    -Exacto faz isso. Diz Imna pousando o prato na mesa-de-cabeceira.

    Assim que ela sai de quarto:
    -Enfim sós. Suspira Washigi
    -Tens razão. Diz Imna aproximando-se mais uma vez.

    Mais uma vez alguém bate à porta:
    -Pelo amor de … Diz Washigi levantando-se.
    -Pensava que não te podias mexer?
    -Raiva é um bom motivador. Responde ele enquanto abre a porta.
    -Então pá vejo que… antes de Teryu acabar a frase Washigi empurra-o para o corredor.
    -Se vens ver se estou “bem” já viste a saída é no fundo do corredor.
    -Meu, calma não posso dar os parabéns ao gajo que salvou um reino?
    -Podes, só que, mais tarde por favor.
    -Porquê?
    -Queres mesmo que te diga?
    -Claro.
    -Vou te explicar de uma forma que compreendas: acabei de lutar contra um tirano numa batalha muito intensa…
    -Foi quase à dois dias…
    -Cala-te. Continuando, dói-me o corpo todo, tenho a minha namorada deitada na minha cama à minha espera e tu entras. O que há de errado que esta imagem?
    -Eu? Espera namorada?
    -É uma história engraçada conto-ta uma dia destes. Diz Washigi encostando-se à parede
    -Estás a sentir-te bem?
    -Não, agarra-me e chama os guardas. Responde ele caindo nos braços de Teryu.
    -Guardas! Chama Teryu
    -Senhor! Respondem ambos.
    -O Washigi desmaiou importam-se de o levar para o quarto e trocar-lhe as ligaduras?
    -Sim senhor. Dizem eles enquanto pegam nele.

    Ao entrarem no quarto notam que Imna encontra-se deitada na cama na cama virada para a porta sem camisola.
    -Madame, dizem ambos desviando a visão, o amo Washigi desmaiou no corredor. Fomos ordenados pelo amo Teryu de o deitar na cama e mudar-lhe as ligaduras.
    -Deitem-no na cama que eu trato do resto. Diz ela tapando-se com os cobertores.
    -Mas madame…
    -Ouviram-me? Responde ela com um tom de voz ameaçador.
    -Sim madame.

    Após de o deitarem na cama saem do quarto.
    -Só me arranjas trabalho sabes. Diz ela olhando para o corpo de Washigi.
    -Bem mas vamos lá. Diz ela pegando nas ligaduras.

    Após ter acabado de as trocar começa a ficar com a visão um pouco turva:
    -Bem se calhar ela tinha razão não me devia ter levantado. Diz ela deitando-se na cama a beira de Washigi encostando a cabeça ao flanco dele e adormecendo.

    Continua…


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Seg Jun 29, 2009 5:59 pm

    Um novo velho rei

    -Olha ela está acordar. Diz Teryu
    -Sempre pensei que fosses uma gata não uma sereia. Continua Typios olhando fixamente para o peito nu dela.

    Assim que fica lúcida ela puxa as cobertas para cima e pergunta:
    -Uma boa razão para não vós matar neste preciso instante?
    -Estás gravemente ferida. Diz Typios
    -Podes acordar o Washigi. Continua Teryu
    -Podes falhar. Acrescenta Typios
    -Podes deixar cair os cobertores. Acaba Teryu
    -Um só pedi uma. Diz ela com um ar embaraçado e um pouco chateado.
    -E não tens de te preocupar com a terceira. Diz Washigi ainda de olhos fechados. Eles trataram disso.
    -Boas tardes. Diz Typios. Boa companhia que tens tido.
    -Não fazes nem ideia de como podia ser melhor se não estivessem aqui. Mas aqui vai uma sugestão, saíam que eu depois conto-vos.
    -Desculpa mas não podemos a Chika pediu para nos certificámos que não passam do que estão a fazer agora. Continua Teryu.
    -Rais’ partam aquele. Queixa-se Imna. Se não me tivesse salvo a vida matava-o.
    -Acho que tenho uma ideia para os fazer ir embora. Sussurra Washigi ao ouvido de Imna.
    -O quê? Pergunta ela.
    -Ei que estão para aí a dizer? Pergunta Teryu desconfiado enquanto Washigi acaba de falar com Imna.
    -Acho que é mesmo capaz de o fazer sair.
    -O que é que me vai fazer sair? Pergunta ele ainda mais desconfiado
    -Isto. Diz Washigi enquanto começa a beijas Imna.
    -OK tinham razão pois faz. Anda Typios.
    -Porquê? Pergunta ele a olhar cada vez mais de perto.

    Nesse momento Washigi para e levanta-se pegando no tridente e apontando-o a cara de Typios:
    -Eu tentei ser simpático mas se não queres colaborar posso te abrir mais umas três narinas se quiseres.
    -OK eu vou embora. Diz ele saindo porta fora.
    -Tu também. Diz ele olhando para Teryu.
    -Se o pões dessa forma. Diz ele também saindo porta fora e fechando-a.
    -Até que enfim sós. Wow dejá vu. Diz Imna.
    -Agora onde íamos? Diz Washigi metendo-se novamente na cama.
    -Aqui. Responde ela aproximando-se
    -Já agora. Diz Teryu entrando novamente no quarto. A tua cerimónia de coroação é hoje daqui a 5 horas vê-la se te preparas.
    -Cerimonia? Coroação? O quê? Responde ele
    -Bem tu derrotaste no Rei de Fieria o que faz de ti o novo Rei.
    -Não posso simplesmente ceder o poder ao antigo Rei?
    -Porquê?
    -Antes da batalha pedi a Chika que fivesse umas analises ao antigo Rei de Fieria e ele encontrou uns vestígios de necrius retirius.
    -O analgésico?
    -Sim, ele foi drogado antes do combate não posso ceder o poder apresentando isso como prova? Diz ele enquanto Imna o agarra e o puxa para ela.
    -Beeemmm… não. Tens de ir na mesma podes anunciar isso depois da cerimónia ou durante não quero saber mas tens de ir. E tendo em conta o teu estado físico e o dela vou chamar o resto do pessoal para vos vir ajudar volto dentro de cinco minutos. Diz ele saindo porta fora.
    -Cinco minutos é muito tempo. Diz Imna começando a beijar Washigi.
    -Olhem que sorte, diz Teryu entrando novamente, estavam lá fora a ouvir.
    -Sim, sorte. Diz Imna com um ar mais aborrecido do que o normal.
    -Ok vamos lá fora da cama. Diz Chika. Antes disso cheguem algo para a senhora vestir.
    -Ooohh, tem mesmo de ser? Pergunta Typios
    -Sim. Continua ela.
    -Toma lá. Diz Sirey atirando-lhe com uma camisola.
    -Ao menos alguém decente. Diz Washigi ao levantar-se enquanto Imna se veste.
    -Muito bem tu vestes te aqui enquanto que eu e a Imna vamos para o quarto do lado. Senão estiverem os três prontos quando nós acabarmos vão se arrepender. -Espero bem que a cerimónia seja muito curta continua Imna enquanto sai pela porta.
    -Aproveita para tomar banho. Diz Chika antes de sair do quarto.
    -Sim, sim, sim, eu consigo fazer isso sozinho.
    -Eu sei que consegues mas nós vamos nos certificar que o fazes. Diz Teryu
    -Eles os dois estão aqui a fazer o quê?
    -Viemos para ver se víamos mais acção. Diz Typios
    -Não, viemos para apoiar a Chika enquanto vos organiza. Corrige Teryu
    -Eu vim pela acção.
    -Não estas a ajudar. Responde Teryu com um olhar frio.

    Depois de estarem todos vestidos e preparados dirigem-se para a sala.
    -Ainda não vi a Imna. Diz Washigi
    -Já deve estar à nossa espera. Responde Teryu
    -E está mesmo. Diz Washigi ficando boquiaberto ao vê-la.
    -Gira não está? Pergunta Typios. Foi eu que escolhi a roupa.
    -Só podias para ela estar tão, tão UAU.
    -Que queres dizer com isso? Pergunta ele
    -Então que estás mais ligado ao teu lado feminino do que a maior parte de nós.

    Após um longo discurso por parte de uma série de pessoas Washigi finalmente sobe ao trono mas mal chega explica a situação e terminando o discurso com a seguinte frase:
    -E é a luz de estas provas que eu devolvo o poder a Reius Impertus.

    Dito isto abandona o trono põe braço à volta de Imna de ambos caminham para fora da sala seguidos do olhar de todos os presentes:
    -Que foi nunca viram duas pessoas apaixonadas a saírem de uma sala para estarem SOZINHAS? Pergunta Imna enquanto sai da sala.
    -Achas que os devíamos ir chamar? Pergunta Typios
    -Acho mas não vamos senão não voltamos. Responde Teryu
    -Não lhes devíamos dizer que sabíamos que ele ia abdicar do trono e que o Reius nos vai nomear a todos heróis?
    -Devíamos mas não vamos senão não voltamos. Contamos-lhes amanhã eles merecem estar sozinhos.
    -Tens razão.
    -Um de vocês que os vá chamar neste preciso instante. Diz Chika.
    -Se quiseres vai tu. Responde Teryu.
    -Bem, se calhar devíamos deixá-los descansar. Diz ela olhando para o chão.
    -Se calhar devíamos. Continua Typios.

    Continua


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Qua Jul 01, 2009 10:51 pm

    Muito bem este foi o fim da segunda serie. Para criarem episódios sabem o enredo e as partes em branco. Podem criar aqui neste tópico ou criem um.


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    ghost

    Mensagens : 509
    Data de inscrição : 14/07/2009
    Idade : 21

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  ghost em Seg Out 19, 2009 8:45 pm

    reparei numa coisa, a tua anime é sempre elaborada em dialogo, assim tambem fica original, tou a ver que pensaste em tudo e que te dedicas ao assunto, continua mano

    tambem podes publicar o livro, nao é muito comum ler se livros em que se usa na maioria o dialogo

    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Sab Out 24, 2009 6:27 pm

    Dxmar escreveu:reparei numa coisa, a tua anime é sempre elaborada em dialogo, assim tambem fica original, tou a ver que pensaste em tudo e que te dedicas ao assunto, continua mano

    tambem podes publicar o livro, nao é muito comum ler se livros em que se usa na maioria o dialogo
    Eu vou sei sincero, curto escrever, mas não é algo que esteja pensar em fazer sabes profissionalmente. è um passa tempo para quando tenho tempo çivre e estou em casa sem nada para fazer. Também meto muito dialogo por acho mais interessante serem as personagens a explicar o que está a acontecer e não o narrador.


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    ghost

    Mensagens : 509
    Data de inscrição : 14/07/2009
    Idade : 21

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  ghost em Sab Out 24, 2009 7:44 pm

    mas se publicasses ganhavas uma pipa de massa men What a Face

    MBReis

    Mensagens : 475
    Data de inscrição : 19/04/2009
    Idade : 23
    Localização : Algures na Terra provavelmente em casa ou escola

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  MBReis em Dom Out 25, 2009 9:34 pm

    Dxmar escreveu:mas se publicasses ganhavas uma pipa de massa men What a Face
    Também era preciso conhecer alguém no meio. Mas quem se daqui a uns anos não o faça.


    _________________
    Beware of Hidan.

    H- He'll f***ing kill you
    I- I wouldn't mess with him
    D- Don't fear the reaper, fear Hidan instead
    A- Akatsuki's immortal bastard
    N- Now you're fu****, he just ate your blood


    ghost

    Mensagens : 509
    Data de inscrição : 14/07/2009
    Idade : 21

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  ghost em Seg Out 26, 2009 8:40 pm

    se fosse a ti trabalhava nisso, ja dava um bom começo de vida, isto se render... Idea

    Conteúdo patrocinado

    Re: Segunda Serie

    Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 8:56 pm


      Data/hora atual: Ter Dez 06, 2016 8:56 pm